quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Quintana



Hoje faz um ano que meu paizinho partiu deste mundo. Em homenagem a ele deixo aqui algumas pérolas de meu querido Mario Quintana para inspirar nosso dia.

A verdadeira arte de viajar...
A gente sempre deve sair à rua como quem foge de casa,
Como se estivessem abertos diante de nós todos os caminhos do mundo.
Não importa que os compromissos, as obrigações, estejam ali...
Chegamos de muito longe, de alma aberta e o coração cantando!


INSCRIÇÃO PARA UMA LAREIRA
A vida é um incêndio: nela
dançamos, salamandras mágicas
Que importa restarem cinzas
se a chama foi bela e alta?
Em meio aos toros que desabam,
cantemos a canção das chamas!

Cantemos a canção da vida,
na própria luz consumida...


O tempo

A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando de vê, já é sexta-feira!
Quando se vê, já é natal...
Quando se vê, já terminou o ano...
Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê passaram 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado...
Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas...
Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo...
E tem mais: não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo.
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente, nunca mais voltará.


A canção da vida

A vida é louca
a vida é uma sarabanda
é um corrupio...
A vida múltipla dá-se as mãos como um bando
de raparigas em flor
e está cantando
em torno a ti:
Como eu sou bela
amor!
Entra em mim, como em uma tela
de Renoir
enquanto é primavera,
enquanto o mundo
não poluir
o azul do ar!
Não vás ficar
não vás ficar
aí...
como um salso chorando
na beira do rio...
(Como a vida é bela! como a vida é louca!)


Uma vida não basta ser vivida. Ela precisa ser sonhada.

2 comentários:

Gina disse...

Hi Dora,
O tempo/Mario Quintana (1906/1994)eh um poema que lido ha tantos anos atras e ainda ser lido daqui a 100 anos, os sentimentos sao os mesmos. Viver o presente sem medo de ser feliz, deixar o ontem como parte de um passado e o amanha com a esperanca e o sonho de um dia melhor.
Apesar da ausencia de seu pai, eh bom saber que existiram entre voces, momentos que maracaram o seu passado e sua historia e esses estarao com voce no presente e no futuro.

Fazendo Artesanato Receitas disse...

Olá Dora, vim conhecer seu blog pelo da Vânia e estou amando seus trabalhos, são lindos e seu blog tbm.
Amiga, sei bem o que sente e por uma incrivel coincidência meu pai também faleceu num dia 11 de fevereiro só que há 23 atras e com 61 anos, foi em 1985, qdo vi voce contando que fazia 1 ano do seu pai , me emocionei pelos dois motivos pois a lembrança do meu queridão ficou mais viva e as lembranças também, mas td bem , como dizem, faz parte.
Que sua quinta feira seja ótima e muito abençoada.
Voltarei mais vezes, estou levando seu link.
Beijossssssss
Márcia

Leia também:

Related Posts with Thumbnails