quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Rapidinha de Natal (2) - para a galera patch


Este é o conteúdo do embrulhinho da postagem anterior!
Não, não são duas toalhinhas patch, é uma toalhinha dupla face! Como eu não conhecia bem o gosto da pessoa para quem eu ia dar fiz dois lados bem diferentes, assim ela escolhe.
O tutorial é facílimo e ela é rapidinha de fazer sim, vejam aqui. Nem precisa medir o retalho! (assim nem eu erro rsrsrs)
Achei a costura em zigzag um charme!

9 comentários:

Lidiane Vasconcelos disse...

Oi, Isadora!
A Livia, do Coisas da Livs, comentou sobre você e vim te visitar. Acho que a pessoa que vai ganhar este mimo vai ficar contente, hein?!
Parabéns pelo talento.

Nilda Biagio disse...

Olá Dorinha
Que encanto de toalhinha!!!Adorei!!!!
Bj
Nilda

ANA REGINA disse...

Oi Isadora!
Lindo trabalho, gostei da idéia de fazer dupla face, realmente assim não tem como errar.
Bjocas

M. Regina disse...

Ficou linda tua toalhinha. Já deves estar amando o patchwork, de tanta coisa bonitinha que já estás fazendo.bjs

Catswhiskers disse...

You did it again and beat me to it!!
I have started (on my mind) to do a grandma's quilt and in these english hexagon pattern.
Whilst in Brazil I did a small one as first trial and loved it. It is so easy and quick to do. I made it all by hand stitching...
I love coming to your blog and admiring the latest beautiful work on display.
This doily is very pretty.

Luciana F. Damiano disse...

Eu gostei dos dois lados!! E do modelito também.

bjks

Vanessa Biali disse...

Ficou maravilhosa, Dora!
A ideia de fazer dupla face é ótima! Acho que ela vai gostar dos dois lados e vai ficar super indecisa qual usar primeiro...rsrs...
Xi... para mim, parace complicadíssimo de fazer. :-P
Bjs.

Rita disse...

Adorei seu blog e seus trabalhos e estou deixando uma mensagem que li e achei muito bonita.
Bjs no seu coração.

Rir é correr risco de parecer bobo
Chorar é correr risco de parecer sentimental
Expor seus sentimentos é correr o risco de mostrar seu verdadeiro EU
Defender seus sonhos e idéias diante da multidão é correr o risco de parder a amizade das pessoas
Amar é correr o risco de não ser correspondido
Viver é correr o risco de morrer
Confiar é correr o risco de se decepcionar
Tentar é correr o risco de fracassar
Poré, os riscos devem ser corridos, porque o maior perigo é o de não arriscar nada
A pessoa que não corre nenhum risco, não faz nada, não tem nada, não consegue nada
Ela pode evitar sofrimentos e desilusões, mas não sente, não muda, não cresce, não ama, não vive
Acorrentada por suas atitudes, torna-se escrava e priva-se da liberdade
Por isso, somente a pessoa que corre riscos é totalmente livre.

M. Regina disse...

Oi Isadora, estão muito lindas tuas arvorezinhas em foundation, vais ver que vais ficar viciada, como eu. Não tenho o molde do meu panô, porque peguei e desenhei uma bota e aí fui colocando aleatoriamente os paninhos, e depois fui contornando com os tecidos. Obrigado pela visita.

Leia também:

Related Posts with Thumbnails